sábado, 7 de novembro de 2009

O nosso medo não nos move adiante
pois estamos a um passo do precipício
nossas loucuras não se encerram no hospício
nossa coragem é que nos leva avante

me diz qual é a soma das nossas constantes
qual é o vetor que precisamos seguir
felicidade não se encontra nas estantes
temos sonhos e um futuro a cumprir

nossos irmãos estão caídos aos milhares
cansados, pelas guerras e pela fome
nos canaviais a miséria tem nome
e o veneno é espalhado pelos ares
e pelas antenas de televisão
enquanto os jovens sonham
de bandeira e pedras na mão

Luciano Ferreira