sábado, 25 de junho de 2011

via penas

Colocar a boca no trompete

De topete,
sem pena

De colete,
a duras penas
bico no buraco, ganso


As penas de Castro
descarregam
agora, nesse teclado

2 comentários: