domingo, 4 de dezembro de 2011

silêncio (com "s" minúsculo)

todas as palavras ficaram num passeio de verão
que não fiz
no suicídio que ainda não cometi

todas as palavras são falas deslocadas
a quem perdeu a própria língua

contudo, percebo ter quase tudo
num quarto só!

e não cantarei o amor latente
(vivo!, que seja)
apenas direi:
o silêncio é maior que qualquer palavra esbravejada.

Um comentário: